25_05_EngenhariadeProducaoEngenharia de Produção é um dos cursos ofertados no Vestibular de Inverno 2011 da PUCPR. Mas, o que faz este profissional?

Todos querem otimizar processos e aumentar o lucro de sua empresa. Este é o papel do Engenheiro de Produção e, por isso, o mercado para o profissional é tão amplo e está tão aquecido. Diversos setores como indústrias, comércio, bancos e consultorias buscam este especialista com o objetivo de aumentar a produtividade da empresa com o menor custo.

Nos dois primeiros anos a grade curricular do curso de Engenharia de Produção segue a mesma de todas as engenharias. É a partir do 3° ano que começam as matérias específicas.

Mas muitas empresas contratam seus estagiários da área antes das matérias específicas. É o caso de Diogo Balestrin de Oliveira que começou a fazer estágio no 2° ano do curso. Ele diz que as ofertas de trabalho na área são muito boas, mas por outro lado as exigências são grandes. “Além de conhecimentos técnicos é interessante ter domínio de dois idiomas além do português. Experiências internacionais também são válidas para quem quer trabalhar em multinacionais”, comenta.

A remuneração é atraente. Grandes empresas pagam em média R$8/hora para estagiários. Por mês, com 30 horas de trabalho semanais, o salário pode ultrapassar R$ 1.000. Atualmente Diogo está no último ano do curso e, depois de fazer estágio em três sedes da Volksvagem, na Alemanha, em Portugal e no Brasil, foi contratado como funcionário efetivo da empresa automotiva.

Conversei com o diretor do curso da PUCPR, Ney Cesar de Oliveira King, que me explicou que uma de suas preocupações é formar profissionais alinhados com as necessidades do mercado de trabalho. Com este objetivo, implantou neste ano o Projeto Integrado. Desde o 1° ano do curso, os professores promovem visitas técnicas a empresas parceiras e mostram a rotina do Engenheiro de Produção. “Ao longo do curso, conforme nos aprofundamos no conteúdo, o grau de informações transmitidas durante as visitas evolui”, explica.

Outra preocupação é trabalhar temas relacionados à sustentabilidade, já que o foco do profissional é diminuir desperdícios nas empresas.  Na PUCPR os alunos contam com a disciplina “Desenvolvimento Sustentável” no 9° e 10° período da graduação. “Entendemos que além de diminuir custos de produção, o planeta não suporta mais tanto desperdício”, enfatiza o diretor do curso.

Ficou curioso para saber mais sobre este curso? Acesse o site para mais informações.