O Globo é o primeiro jornal da América do Sul disponível no Kindle.

O Globo é o primeiro jornal da América do Sul disponível no Kindle.

Foi-se o tempo em que as pessoas tinham no jornal impresso (e na internet) a única opção para ler notícias. Hoje, com a popularização cada vez maior do Kindle (e-reader da Amazon) e do iPhone (celular da Apple), a pergunta é: qual deles será a nova aposta tecnológica das empresas de comunicação para a difusão de conteúdos jornalísticos? Para quem se interessa pelo tema eu sugiro a leitura dessa matéria de Sandra Silva, que esteve em Barcelona durante a 17ª Conferência de Publicações Digitais da WAN/IFRA (Associação Mundial de Jornais e Empresas de Conteúdo). Pelo que diz a jornalista, o iPhone tem se mostrado bem mais viável que o Kindle, que ainda é caro e restrito a uma função específica – o Kindle, por exemplo, não acessa à internet. Tudo indica que a melhoria destes aparelhos está na convergência: do e-reader com o celular, laptop e netbook. Quando isso acontecer, ninguém mais vai ter que carregar diferentes gadgets pra lá e pra cá, tudo estará integrado. E você, já tem experimentado estas novidades ou ainda prefere folhear o jornal impresso? Divida sua opinião com outros vestibas.

Em tempo: o primeiro livro a ser lançado simultaneamente em papel, e-book e iPhone no Brasil é “O Seminarista”, 11o romance do Rubem Fonseca (sim, o mesmo autor de “Agosto”). O livro chegou essa semana às livrarias, dê uma espiada no site oficial do lançamento.