Um novo perfil de profissional vem ganhando cada vez mais espaço no Brasil: os tecnólogos. Segundo o Ministério da Educação, o número de alunos matriculados nos cursos de tecnologia cresceu 390% de 2002 a 2007, enquanto o de alunos no ensino superior tradicional subiu apenas 22%. Outra pesquisa feita com empresas de Curitiba mostrou que mais de 40% das vagas de trabalho poderiam ser atendidas por tecnólogos. Isso porque a formação de um tecnólogo é mais específica do que a graduação regular e, portanto, mais focada no mercado profissional. Outra vantagem é que os cursos são mais rápidos, de 2 a 3 anos, o que facilita a vida de quem precisa conciliar estudos e trabalho.
Uma das novidades do vestibular 2010 da PUC-PR é o lançamento do Centro de Formação de Tecnólogos, onde você pode escolher entre oito cursos da área. Para saber mais sobre a profissão em Curitiba, leia a matéria de hoje da Gazeta do Povo.